Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Sofá Branco

"Esta é sem dúvida a era das novas invenções para matar corpos e salvar almas, todas divulgadas com a melhor das intenções." - Byron

Sofá Branco

"Esta é sem dúvida a era das novas invenções para matar corpos e salvar almas, todas divulgadas com a melhor das intenções." - Byron

As Dez Figuras Negras - Agatha Christie

100_3867.JPG

   É uma vergonha que alguém que diz gostar de policiais nunca tenha lido Agatha Christie. Bem, esse lapso que tinha de ser adereçado, e assim sendo, foi um pouco durante a semana que passou e um pouco durante esta que passa que li dois livros dela, possivelmente os mais conhecidos até, o primeiro dos quais "As Dez Figuras Negras". Comecei sem qualquer fé, não sabia ao que ia nem tinha expectativas algumas, e acabei totalmente rendido à autora.

  O livro começa como os livros normalmente começam, que é como devem começar, de uma maneira ou de outra e preferencialmente mais cedo que tarde: apresentando as personagens. Estando todas elas em viagem, mas não todas juntas, são-nos todas dadas a conhecer uma a uma, entre elas Vera Claythorne que tem a particularidade de estar a viajar para um emprego que lhe foi dado através de uma agência bastante singular: Agência de Emprego de Mulheres Qualificadas...como os tempos mudam. Agatha Christie une essa Vera, que não é personagem principal, a outras nove pessoas, juntando assim as suas dez figuras numa ilha onde, uma a uma, vão sendo assassinadas.

 

  Achei o livro brilhante do início ao fim. A forma como a acção se desenrola, os pensamentos que nos são dados de todos os personagens, o mistério e a desconfiança que aumentam, tanto dentro do próprio livro, quanto dentro da nossa cabeça que tenta, em vão, colocar os pontos nos i's, mas o puzzle não é resolvido quando nós queremos, mas quando a senhora Christie quer. Um verdadeiro clássico.

  É fantastica a quantidade de outros livros, filmes, e arte no geral influenciada e gerada por esta obra, desde filmes com o mesmo nome, a adaptações, umas inspiradas outras levemente inspiradas... Até mesmo quem quer que tenha visto os Saw, filmes de terror com ridiculamente má qualidade na minha opinião, que só vi os dois primeiros e bastaram-me para nem querer ver mais nem da saga nem do género, certamente se lembrará deles ao ler as Dez Figuras Negras porque não só se influencia o que é bom mas também o que é mau.

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

Blogues

Youtube

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Mensagens